Médico preso com haxixe e skank retirados dos Correios, tem BMW apreendida

O médico Pedro Nechar Neto, de 40 anos, foi preso nesta quarta-feira (18) quando deixava agência dos Correios com drogas que haviam sido encomendadas. O caso aconteceu em Três Lagoas, que fica a 338 km de Campo Grande.

Conforme o boletim de ocorrência, uma equipe da Força Tática da Polícia Militar realizava rondas na Rua Bruno Garcia, na região do bairro Colinos e visualizou um carro de luxo, uma BMW de cor preta, a qual já vinha sendo alvo de denúncia sobre o ilícito, onde o proprietário estaria recebendo drogas via Correios.

Diante a suspeita da característica do carro, e por ele ter acabado de sair de uma agência dos Correios, a polícia realizou um acompanhamento tático e realizou a abordagem do suspeito na região das Avenidas Capitão Olinto Mancini e Ranulpho Marques Leal, no bairro Jardim Alvorada.

Foi realizada uma busca em Pedro e nada de ilícito foi encontrado. Mas em cima de um dos bancos do carro, a PM encontrou uma caixa de encomenda dos Correios e logo o médico confirmou que em seu interior continha drogas e que havia adquirido o entorpecente pelo valor de R$ 1.250,00 de um desconhecido.

Os policiais encontraram dentro da caixa encontrada o Skank, que pesou 153 gramas e 1 grama de haxixe. A equipe do canil do 2º BPM foi acionada e em vistorias na BMW, nada de ilícito foi localizado. Um total de R$ 1.304,00 que estava com o médico também foi apreendido.

Diante a situação de flagrante, o acusado recebeu voz de prisão e foi levado à Polícia Civil, sem uso de algemas.

 

 

 
  •  
  •  
 


Crédito imagem: Divulgação

Crédito matéria: Marcos Tenório