Prefeitura acrescenta R$ 2,9 milhões em contrato com a Santa Casa para internação de pacientes com Covid

A Prefeitura de Campo Grande repassou R$ 2,9 milhões para Santa Casa de ‘acréscimo pontual’ ao contrato mantido com a instituição de saúde. Segundo publicado no  desta sexta-feira (20), a verba é para internações de pacientes com coronavírus.

Ambos já mantêm convênio na saúde e o recurso extra servirá para ‘atendimento em internações hospitalares em enfrentamento à emergência de saúde pública de importância nacional decorrente do novo coronavírus”. Apesar de ter sido publicado nesta sexta-feira, o contrato aparece data de 1º de outubro de 2020.

Ainda de acordo com a publicação, o acréscimo tem como fonte os governos municipal, estadual e federal. Neste caso, não foi especificada quantidade de leitos hospitalares que o recurso abrange. Assinam o contrato o prefeito Marquinhos Trad (PSD), secretário da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), José Mauro FIlho, Geraldo Resende, secretário da SES (Secretaria de Estado de Saúde) e Heitor Rodrigues Freire, presidente da .

 


Crédito imagem: Arquivo

Crédito matéria: Mayara Bueno