MS tem criação de 4,3 mil empregos formais em março e soma 24,3 mil novos postos de trabalho no ano

Mato Grosso do Sul registrou a criação de 4.327 empregos com carteira de trabalho assinada em junho, segundo dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgado na manhã desta quinta-feira (29).

Assim, MS encerrou o 1º semestre com 24.340 novos postos de trabalho. O valor é o dobro do registrado em todo o ano passado, quando foram criados 12.491 trabalhos formais.

O destaque para o mês de junho foi o setor de serviços, que foi responsável por abrir 1.597 postos de trabalho no período. Os principais segmentos que contrataram foram atividades administrativas e serviços de teleatendimento.

Em seguida, aparece o setor industrial, com 1.097 empregos formais criados, com destaque para os frigoríficos, que criaram 291 novos postos de trabalho. 

O comércio ficou praticamente no mesmo patamar que a indústria e fechou o mês com 1.091 trabalhadores com carteira assinada a mais em relação a maio. O segmento que mais contratou foi o de materiais de construção.

Já o setor de construção fechou o mês com saldo positivo de 590 novos postos de trabalho e, por fim, o agropecuário apresentou retração de 48 empregos.


Crédito imagem: (Ilustrativa)

Crédito matéria: Gabriel Maymone